16.1.09

SOMOS TODOS UM

Somos todos Um

Somos todos um
Não há diferenças entre mim e um pedaço de chão.
Não há diferença entre o sim e o não.
Há apenas um minimo divisor comum
o número um

Não há animais e humanos
Não há farrapos e panos
Não há este e o outro lado
Não há certo e errado

Há as celulas que nos formam
Há as fibras que se transformam
Há a consciência universal
E no fundo de cada coisa,
A energia fundamental

Eu e tu somos o mesmo
e somos a mais longinqua estrela
e o vazio, e o nada
porque o nada é feito de tudo
é aquilo que agora mudo
e que, como em tudo,
é energia disfarçada.

Somos todos Um